05/10/2009

laje sepulcral

Aconchego suas memorias
morias em meu colo
e as afago
como se ainda estivesse aqui!

Ainda posso sentir seu abraço,
o doce triste son da sua voz,
o cheiro de sangue!

E a matéria
que pesava em meu braços
já não lhe pertencia.

Estiquei-a sobre as pedras frias!
Edespedir-me em silêcio( como se com
medo de acordar-te)
não me doeu tanto
quanto as palavra
que meu coração lhe dizia:
"-amiga!
Negar que um dia te amei,
é como negar
sua existência outrora em mim!!
E negar que ainda te amo...,
é como negar,
que ainda exista vida em mim!!
Aqui jaz um anjo!!

Um comentário: